Pular para o conteúdo
Voltar

Dez mulheres são detidas quando tentavam entrar com drogas e celulares em presídios

Foram registradas ocorrências nas penitenciárias de Rondonópolis e Sinop e CDP de Tangará da Serra
Raquel Teixeira | Sesp-MT

Revista no escâner corporal apontou objetos em roupa e nas partes íntimas de mulheres que iam visitar detentos, em Rondonópolis - Foto por: Sispen
Revista no escâner corporal apontou objetos em roupa e nas partes íntimas de mulheres que iam visitar detentos, em Rondonópolis
A | A

Dez mulheres foram detidas neste fim de semana após tentativas de entrar em unidades prisionais do Estado com entorpecentes e celulares. 

Neste domingo (04.08), quatro mulheres foram detidas após serem encontradas com substâncias entorpecentes e celular escondidos no corpo, na penitenciária Dr. Osvaldo Florentino Leite Ferreira, em Sinop. 

E.A. portava porção de substância análoga à maconha encontrada durante revista realizada por agentes femininas.

Outras três visitantes, T.; G.C. e T.C. demonstraram nervosismo durante a revista e foram encaminhadas para exames de raio-x, que detectaram dezenas de poções de drogas nas partes íntimas. Com T. foram encontradas 25 porções e com T.C. mais 72 porções de substância semelhante à maconha. Com G.C., o exame detectou um aparelho celular.

Durante revista na delegacia da Polícia Civil, ainda foram encontrados com T.C. mais 4 chips de telefonia celular escondidos na roupa íntima da mulher.

      
Apreensões com visitantes na penitenciária de Sinop 

No sábado (03.08), em Sinop, duas mulheres foram conduzidas a uma unidade de saúde depois do detector de metais na penitenciária apontar em uma delas possível material ilícito. Após os exames de raio-x foi detectado que a visitante A.B. estava com um celular nas partes íntimas. A outra mulher, A.H.A. tinha 26 porções de entorpecentes no corpo. 

Todas as mulheres foram encaminhadas à delegacia da Polícia Civil para registro da ocorrência. 

Rondonópolis

No domingo (04.08), na penitenciária regional Major Eldo Sá Corrêa, em Rondonópolis, outras três pessoas foram detidas após a revista no escâner corporal apontar objetos em roupa e nas partes íntimas. 

L.P. e E.F.L.S. estavam com porções de drogas escondidas no corpo. Já a visitante V.P.S. trazia maconha e pasta base escondidas no sutiã. 

Todas foram detidas e levadas pelos agentes penitenciários plantonistas para a Central de Flagrantes da Polícia Civil de Rondonópolis. 

Tangará da Serra  

No Centro de Detenção do município, agentes penitenciários detiveram também no domingo, K.L.S. após a mulher aparentar nervosismo durante o procedimento de revista. Ela foi encaminhada a uma unidade de saúde, onde exame de raio-x constatou que havia porção de substância entorpecente nas partes íntimas. A direção da unidade recebeu denúncia de que uma mulher tentaria entrar com droga no CDP.

Após o exame e remoção da droga, K.L.S. foi encaminhada à Delegacia da Polícia Civil para registro da ocorrência e terá suspenso o direito à visita.